Banner
Opinião

Notas da coluna ARGUMENTOS, terça-feira, dia 21 de maio de 2019.

Evento
A Unifap promove o III Comertec Jr., que apresenta as novidades do mercado local e nacional da comunicação e da tecnologia. As inscrições, que já estão abertas, são alimentos não perecíveis e ração para instituições de caridade e ONG’s de animais.

Estácio mobile

Atrações
Palestra, mesa redonda, minicursos, apresentação de artigos científicos e de trabalhos práticos nas áreas de audiovisual, internet, fotografia, publicidade e redação jornalística, e a novidade deste ano, o Startcom.

Datas
O Comertec Jr., já considerado o maior congresso de comunicação do Amapá e que tem como tema, este ano, “Comunicação, convergência e novos mercados”. Será no Sebrae, em Macapá, nos dias 6, 7 e 8 de junho.

Mercado
Café é a segunda bebida mais consumida entre os brasileiros, aponta pesquisa. Estudo realizado por uma grande rede, a pesquisa revela ainda que consumo médio da bebida é de 3 a 4 xícaras por dia.

Web
Em relação ao tipo do café, cerca de 79% dos consumidores afirmam tomar torrado e moído com maior frequência, mas outros segmentos também despontam.A matéria completa em www.portaldoagro.com.

Era hora

Um dos grandes gargalos para o incremento de novos empreendimentos no Amapá, o setor de licenciamento enfim deverá ser modernizado. O anúncio foi feito ontem pelo governador Waldez, que já encaminhou as peças legislativas para o Parlamento. Gestão mais enxuta e até a fusão de alguns órgãos e autarquias do Estado.

Gestão
Os projetos reorganizam a estrutura administrativa da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), do Instituto do Meio Ambiente e de Ordenamento Territorial (Imap), Instituto Estadual de Florestas (IEF), Agência de Pesca do Amapá (Pescap) e do Instituto de Desenvolvimento Rural (Rurap).

Fusão
Falando aos jornalistas, o governador Waldez disse que a proposta é reorganizar o setor econômico no que diz respeito às questões ambientais, licenciamento, regularização fundiária, extensão rural e assistência para dinamizar as cadeias produtivas e dar mais transparência a todos esses procedimentos.

Gastos
Essa reestruturação dos órgãos também visa ao enxugamento da máquina pública, atendendo ao decreto que criou o Comitê de Controle e de Qualidade do Gasto Público (CQG). Com as mudanças haverá redução de recursos humanos e, consequentemente, de recursos materiais.

 

Deixe Seu Comentário abaixo:

Banner Gif Mobile