Banner
Opinião

Notas da coluna ARGUMENTOS, domingo, dia 03 de janeiro de 2021

Macapá

Macapá começa o ano com um novo administrador para o município, o médico Antônio Furlan (CIDADANIA), que recebeu das mãos do antecessor, Clécio Luís (sem partido), a faixa com as cores, os motivos e a representatividade do adereço, que se reveste de grande representatividade por ser um ato raro nos últimos anos. Demonstração de muita maturidade e educação, claro.

Santana

Ao som de música gospel, o médico Sebastião Rocha, o Bala (PP) tomou posse como prefeito do segundo maior município do Amapá. Com passagens pela Assembleia Legislativa, Câmara dos Deputados e Senado federal, ele também foi secretário estadual de saúde e elegeu o combate ao Covid-19 a primeira proridade de sua gestão.

Na galeria

O prefeito Clécio Luís entra para a galeria dos ex-prefeitos de Macapá, nessa imagem da festa de 260 anos da capital. Fazer uma gestão de uma cidade como a capital do Amapá, intercortada poir inúmros canais, é algo desafiador, então cada um desses homens e mulheres tem sim uma contribuição a ser reconhecida.

Judiciário

A desembargadora Sueli Pini, vice-presidente do Tribunal de Justiça do Amapá, negou liminar pedida pelo vereador André Lima (Rede) para anular o edital que fixa regras para a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Macapá, o que acabou levando à dissolução da chapa que tentava se viabilizar.

Sintonia


A eleição do vereador Marcelo Dias (SOLIDARIEDADE), para presidir a Câmara Municipal de Macapá, não significa necessariamente promessa de disputa com o novo prefeito Furlan. É que na posse no Legislativo o gestor da capital ressaltou sua origem na Assembleia Legislativa, portanto sabe exatamente a importância dos legisladores e pretende atuar muito próximo dos vereadores da capital.

Atrações na cidade


As áreas da Cultura e do Turismo ganham com a homenagem às marabaixeiras Tia Chiquinha, Tia Venina e Tia Gertrudes são homenageadas com monumentos de esculturas em pontos históricos de Macapá.

Rapidinhas

CONFUSÃO – A sessão de eleição da nova Mesa Diretora da Câmara de Santana foi o primeiro barraco político do ano. Muita confusão, troca de acusações, discussões acaloradas e até apagão. Isso mesmo, teve até isso quando alguém passou a mão no disjuntor do plenário.

MULHERES – Bem, mas passada a briga, a chapa encabeçada pela vereadora Elma Garcia (PP) foi aclamada vencedora. Bem, nisso a Câmara santanense deu um bom exemplo, pois a presidência anterior também era ocupada por uma mulher, Helena Lima, que continua parlamentar da Casa.

ORLA – O bairro Cidade Nova ficou mais colorido, mas deslumbrante e pronto para receber desportistas, turistas e toda a população em seu novo espaço, o Complexo Turístico Parque do Jandiá, entregue pela Prefeitura de Macapá. A obra teve valor de R$ 2.305.285,47 e muito bem empregados.

ESPORTES – O complexo possui quadra de basquete 3×3, monumento em homenagem aos kitesurfistas, playground, pista de skate, rampa de acesso ao rio para amantes do futlama, dois campos com grama sintética, um para futebol society e outro infantil, espaço destinado aos adeptos do kitesurf.

Compartilhe:

Estácio mobile

Deixe Seu Comentário abaixo:

Banner Gif Mobile