Banner
Vídeo foi o estopim para surgirem outras polêmicas envolvendo o novo integrante do reality Big Brother Brasil 20
Cultura

Integrante do BBB tem histórico violento e polêmica no Amapá

Cleber Barbosa, da Redação

Estácio mobile

A divulgação de um vídeo em que o ex jogador de futebol e empresário Hadson Nery, de 38 anos, aparece humilhando um torcedor de time rival e rasgando seu uniforme, foi o estopim para surgirem outras polêmicas envolvendo o novo integrante do reality Big Brother Brasil 20, que estreou nesta terça-feira, 21, na Rede Globo. Um desses episódios se deu no Amapá, conforme revelou um diretor do Ypiranga Clube.

Segundo Raimundo Espíndola, do Conselho Deliberativo do chamado “Clube da Torre”, Hadson Nery chegou a Macapá e procurou a agremiação com a proposta de salvar o time com patrocínio e apoio profissionais. “Ele disse que queria apenas o nome do clube, pois se responsabilizava por todo o resto, a logística e a folha de pessoal”, relembrou o diretor.

De fato, foi firmado um contrato com a empresa do atual Big Brother, identificada como Evox Sport Manager, uma agência paraense especializada em representação de jogadores de futebol, gestão de carreira e assessoria. A tal Evox Sport se tornou patrocinadora oficial do Ypiranga para a temporada de 2015.

Segundo relato do dirigente amapaense à Diário FM, o contrato foi rescindido pelo não cumprimento das cláusulas contratuais estabelecidas para a parceria com a empresa de Hadson Nery. “Ele nos foi apresentado pelo ex-secretário de Desporto do Estado, Edinoelson Careca, então o Hadson disse que conhecia a história do Ypiranga e que era o melhor time para ele investir no Amapá e o nosso presidente Waldemar Vilhena apresentou a proposta dele ao conselho, e como estávamos sem dinheiro mesmo, decidimos acolher a proposta”, relembra Espíndola.

A produção da emissora ainda recebeu mais denúncias sobre polêmicas envolvendo o atual participante do BBB 20. Uma delas, de que teria sido condenado por medida protetiva a afastar-se do convívio da ex-mulher.

Acompanhe o polêmico vídeo protagonizado por Hadson Nery

Compartilhe:

Deixe Seu Comentário abaixo:

Banner Gif Mobile