Banner
Mina de ouro de Tucano, da Great Panther, no Amapá | Foto: Divulgação
Economia

Mineradora relata alto teor na pesquisa em novos alvos na mina Tucano

Marcelo Portela, NMB

Estácio mobile

A Great Panther anunciou esta semana ter recebido resultados “encorajadores” de uma campanha de sondagem que está em andamento na propriedade da mina de ouro Tucano, no Amapá. De acordo com a empresa, o programa de 55 mil metros, que representa investimento de US$ 6,6 milhões, é focado em alvos regionais na propriedade e próximos à atual operação.

Segundo a companhia, até o momento já foram concluídos 12 mil metros da campanha, com resultados que incluem, por exemplo, intervalos de 29,4 metros com classificação de 15,99 gramas por tonelada de ouro (g/t Au) no furo DD018 e 16,7 metros com classificação de 10,96 g/t Au no furo DD009 (confira tabela abaixo).

“A sondagem em andamento está sendo conduzida com três plataformas e os resultados serão incorporados a uma declaração atualizada de Recursos e Reservas, que deve ser lançada no quarto trimestre de 2020. Espera-se que as taxas de sondagem avancem à medida que Tucano entrar na estação seca em julho”, afirma a Great Panther em nota.

O presidente e diretor-executivo da empresa, Rob Henderson, salientou que o programa de exploração em Tucano é “prioridade” da companhia e que o foco agora é a conversão de recursos inferidos em medidos e indicados. “Somos encorajados pelo número de zonas significativas que também excederam as expectativas em teor, largura ou ambos. Estamos trabalhando para capitalizar o significativo potencial de exploração de Tucano, tanto nos furos existentes quanto em alvos regionais nesta área amplamente inexplorada”, disse Henderson.

A campanha de sondagem, segundo a Great Panther, é realizada por meio de três plataformas e dos 12 mil metros já concluídos, 6 mil foram de sondagem diamantada e os demais 6 mil metros foram de circulação reversa nos furos AB1 e AB3 do alvo Tapereba AB1 e AB3. De acordo com a empresa, Tapereba representa dois terços da tendência de sete quilômetros da mina de Tucano e apresenta classificação média de recursos de 2,33 g/t Au.

Destaques da campanha de sondagem
Furo Intervalo (m) De (m) até (m) Largura real estimada (m) Teor (g/t Au)
DD020 10.25 231.95 242.20 7.3 6.55
incluindo 1.05 234.60 235.65 0.7 29.29
DD020 1.95 247.05 249.00 1.4 26.95
DD018 29.40 161.60 191.00 13.5 15.99
incluindo 6.40 161.60 168.00 2.9 38.33
incluindo 2.40 172.60 175.00 1.1 16.20
incluindo 4.00 177.00 181.00 1.8 27.99
DD016 20.20 167.00 187.20 11.9 1.89
DD012 6.25 4.20 10.45 4.5 6.21
incluindo 1.59 5.41 7.00 1.1 17.37
DD009 16.70 188.00 204.70 10 10.96
DD007 20.00 201.00 221.00 14.3 1.71
DD003 3.00 22.00 25.00 1.4 31.70
RC003 12.00 47.00 59.00 5.7 8.06
incluindo 1.00 51.00 52.00 0,5 64.89
RC004 22.00 84.00 106.00 7.3 4.78

* Observações

– DD = Sondagem diamantada; RC = Circulação reversa

– As larguras reais são estimativas baseadas no conhecimento geológico atual, mas podem variar após a modelagem de recursos. Certas interseções são necessariamente oblíquas às zonas mineralizadas devido a restrições de acesso devido à topografia e desenvolvimento do poço.

Compartilhe:

Deixe Seu Comentário abaixo:

Banner Gif Mobile