Banner
Existem curiosidades na Aviação que os passageiros podem nem ter imaginado, mas em nome da segurança.
Turismo

Confira 10 curiosidades da aviação para te deixar mais seguro ao viajar

Reportagem: Desafio Mundial | Fotos: UK Press/Getty Images

Estácio mobile

Existem alguns segredos sobre viajar de avião que não são revelados durante uma simples viagem de avião. Algumas regras e recomendações são seguidas pelos comissários em todos os voos, mas nem todas as pessoas conhecem os motivos. Ou você sabe o porquê da luz ser reduzida propositalmente durante o pouso e a decolagem? Confira algumas curiosidades que não são reveladas por comissários, pilotos e especialistas!

Alimentação especial para a tripulação

Foto: Jeffrey Greenberg

Todo cuido é pouco! O comandante, é a autoridade máxima em um voo, ele não pode comer a mesma refeição que o copiloto. Isso acontece porque, caso um deles passe mal por conta da comida, o outro terá totais condições de assumir o controle do avião. Não se pode correr o risco de os dois passarem mal ao mesmo tempo. Já imaginou a situação? Por isso, também é proibido dividir os pratos.

Tripulantes sem barbas

Foto: Seth Wenig

Além de usar roupas adequadas, os pilotos precisam cuidar da aparência física. Algumas companhias aéreas proíbem que eles usem barbas. O motivo? Isso ocorre porque a máscara de oxigênio pode não encaixar perfeitamente no rosto se o comandante estiver com barba sem fazer. Pelo mesmo motivo, o cabelo também precisa estar bem cortado. Melhor evitar qualquer problema! Estar com uma boa aparência também é visto como fundamental para a imagem da companhia aérea.

Tempestades são normais

Kitwood/Getty Images

Tempestades fazem parte da rotina de qualquer piloto profissional. Ser atingido por raios é muito comum e em quase 100% das vezes não afeta a aeronave. Os aviões já são construídos para suportar isso e os pilotos estão preparados para qualquer emergência. Então fique tranquilo! Pode parecer assustador saber disso, mas a aeronave não vai cair.

Que lugar escolher?

Jeff Overs/BBC News

Sentar perto das asas é a melhor opção para quem tem problemas de enjoo. O fundo é onde mais balança. Porém, é indiferente em caso de queda. Isso porque dependendo de como a aeronave cair, tanto os passageiros da frente quando os da cauda podem ser os primeiros a serem impactados. Já o centro da aeronave pode ser o primeiro lugar a se partir ou explodir.

Só simpatia

Mikhail Pochuyev\TASS

Você já percebeu que a equipe sempre recebe os passageiros na porta do avião com um sorriso no rosto? Isso tem um motivo! É porque os comissários de bordo têm a função de tranquilizar todos os usuários, as companhias não querem passageiros histéricos. Por isso, é importante que eles consigam manter o bom humor e tratar a todos muito bem. Mesmo que aconteça algum imprevisto durante o voo, eles precisam passar tranquilidade aos passageiros.

Paquerar as aeromoças é assédio

Foto: Clive Brunskill

Todos os membros da tripulação devem ser respeitados. Tratar de forma educada os comissários é dever dos passageiros. Paquerar alguma das aeromoças? Nem pensar! Em alguns casos é até aconselhável fazer um pouso de emergência para retirar do avião a pessoa que está causando o mal estar. Já imaginou o constrangimento? Além disso, ela ainda tem o direito de processar o “engraçadinho”.

Cuidados quando os pilotos vão ao banheiro

Foto: Roberto Machado Noa

Quando um dos pilotos vai ao banheiro, um comissário de bordo entra na cabine e aguarda seu retorno. Isso é uma medida de segurança. Outra curiosidade: todos os lavatórios podem ser destrancados por fora. Assim, se alguém morrer ou se machucar lá dentro, um comissário poderá abrir a porta sem dificuldades. Geralmente há um mecanismo de segurança, atrás do sinal de “proibido fumar”, na porta, que permite destrancar o banheiro pelo lado de fora

Porta blindada

Foto: Alexander Hassenstein

Os pilotos se comunicam com os comissários de bordo por meio de uma porta blindada. A conversa acontece através de um interfone. Eles devem conversar uma vez a cada 40 minutos durante o dia, e uma vez a cada 20 minutos durante à noite. Isso serve para garantir que o piloto está bem para trabalhar. Caso aconteça alguma coisa lá dentro, os comissários também têm um código para entrar na cabine.

A luz é intencionalmente desligada

Foto: Smith Collection

As luzes da cabine de passageiros são reduzidas propositalmente durante o pouso e a decolagem. Isso é feito para que os olhos dos passageiros se acostumem com a escuridão. Dessa forma, em caso de uma emergência, as sinalizações de rotas de fuga serão claramente percebidas. Porém, alguns pilotos e comissários afirmam que isso acontecer para economizar energia.

 

Deixe Seu Comentário abaixo:

Banner Gif Mobile