Banner
Opinião

Coluna ARGUMENTOS, domingo e segunda, 20 e 21 de junho de 2021.

Blitz

Vacina Amapá – 2 dose

O prefeito Dr. Furlan saiu às ruas de Macapá no sábado, numa tradicional visita aos pontos de vacinação. Na ação de ontem estavam sendo vacinados com a primeira dose os profissionais da Saúde e Educação que fizeram o agendamento no site da Prefeitura e, também, os que estão com a segunda dose marcada para os dias 19 e 20 junho.

Na conta

O senador Lucas Barreto garante que a bancada está buscando a liberação de recursos, que são fundamentais para o desenvolvimento do Amapá. Dos recursos alocados, são R$ 22 milhões já liberados para áreas de grande importância, a exemplo da reestruturação do Hospital Universitário e de projetos de infraestrutura nos municípios.

Parcerias

Depois de terem disputado a eleição para governador em 2018, indo às barras do segundo turno, Waldez e Davi selaram pacto de paz e trabalho conjunto que tem frutificado a favor da população, bem que se diga. Merecendo por parte do governador homenagem nas redes pela passagem do aniversário do senador.

Santana

O prefeito Bala Rocha tem intensificado ações para melhorar a paisagem urbana da cidade, em que pese a luta para imunizar santanenses nascidos ou não no lugar. Mas também vai à zona rural, como a comunidade da Foz do Rio Vila Nova, onde a Prefeitura possui uma escola e um posto de saúde. Debate foi olho no olho da comunidade a respeito das demandas.

Saúde


O sábado foi marcado pela atuação da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) realizando ação de vacinação contra a Covid-19 para atender profissionais de educação e saúde agendados.
A coluna apurou que essa ação também é direcionada às pessoas com a segunda dose de AstraZeneca marcada para este fim de semana.

Por mais cultura


Produções inéditas marcam o Palco Virtual de Cênicas que o Itaú Cultural realiza de 24 a 27 de junho (quinta-feira a domingo). Maré, obra de dança do coletivo potiguar CIDA, faz sua pré-estreia dentro da programação do banco.

As últimas

TRADIÇÃO – Árvore símbolo da floresta amazônica, a castanheira é uma das principais espécies do extrativismo da região, representa uma importante fonte de renda para milhares de famílias agroextrativistas. Possui valor econômico no mercado nacional e internacional e também tem importância na composição de sistemas agroflorestais. A espécie é uma das mais altas da Amazônia, podendo chegar até 50 metros. “O objetivo principal desta articulação e a realização deste nivelamento é promover a troca de informações entre profissionais das áreas técnicas de produção de mudas de castanheiras de diferentes municípios do Pará e Amapá”, destacou um analista da Embrapa.

MINERAÇÃO – A Mina Tucano, produtora de ouro localizada a cerca de 200 km de Macapá, renovou o Selo Sustentabilidade, do Programa Tesouro Verde. Trata-se de uma credencial concedida pelo Governo do Estado do Amapá que atesta as boas práticas socioambientais e de gestão adotadas por empresas, indústrias e comércios. Com visibilidade internacional, o programa está alinhado com a Organização das Nações Unidas (ONU) e o Acordo de Paris, transformando o Amapá em um símbolo de economia sustentável da Amazônia. Em um ano, a mineradora preservou 37.684,21m² de florestas nativas, protegendo a biodiversidade de mais de 1.749 espécies de fauna e 546 de flora e possibilitando também a ciclagem.

Compartilhe:

Deixe Seu Comentário abaixo:

Banner Gif Mobile