Banner
A modalidade tem como objetivo apenas a atividade esportiva; peixes são devolvidos à natureza. | Foto: Divulgação
Turismo

A hora e a vez de desenvolver a pesca esportiva no Amapá

Da Redação

O Governo do Amapá aposta na pesca esportiva como atrativo para investir no turismo do estado. Trata-se de uma modalidade que busca a preservação ambiental, geração de emprego e crescimento econômico sustentável. Recentemente, a Secretaria de Estado de Turismo (Setur) promoveu um encontro para que representantes do segmento pudessem expor os projetos direcionados ao ramo, além de ouvir as orientações trazidas pelos órgãos ambientais.

A modalidade tem como objetivo apenas a atividade esportiva que é fisgar o peixe, nunca para consumo ou comércio, mas pelo prazer de pescar. Assim, os pescados são devolvidos vivos à natureza, sem nenhum dano, inclusive físico. Há maneiras e objetos usados na pesca para que o animal não seja machucado. Normalmente, os pescadores medem, pesam e fotografam o peixe antes de devolvê-lo à água.

Produto turístico – Para o pescador esportivo William Rocha, iniciar parcerias com o Governo do Estado é de extrema importância para que a atividade ganhe força. Segundo William, um dos maiores diferenciais que o Amapá pode apresentar para o ramo de pesca esportiva é o fato de ser o único estado brasileiro em que a prática pode ser feita em todos os dias do ano, tornando a região local em um grande potencial turístico, de renome amazônico e nacional.

Compartilhe:

Deixe Seu Comentário abaixo:

Banner Gif Mobile