Banner
Diretoria da AMB reunida com presidentes de associações de magistrados do Norte e Nordeste | Fotos: TJAP
Amapá

Reunidos em Macapá, magistrados falam sobre ameaças a 110 juízes

O presidente da Associação Brasileira de agistrados (AMB), Jayme de Oliveira, e membros da diretoria, estiveram reunidos em Macapá com presidentes das associações de magistrados das regiões Norte e Nordeste para discutir temas de interesse da magistratura, entre eles o alarmante levantamento do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) apontando que existem 110 magistrados ameaçados no Brasil. Sendo os do Norte e Nordeste, proporcionalmente, os mais ameaçados.

Outros temas também foram abordados como a Resolução 106/2010, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), questões remuneratórias, entres outros.

amaapgrupotrabva 5O I Encontro de Presidentes de Associações de Magistrados das Regiões Norte e Nordeste, promovido pela Associação de Magistrados do Amapá (Amaap) com apoio da AMB, aconteceu no Plenário do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), em Macapá.

Na ocasião, o presidente Jayme de Oliveira destacou a importância do encontro para os magistrados das regiões e a sinergia entre os participantes. Para o dirigente, a segurança dos magistrados, um dos temas da pauta da reunião, “é uma das questões prioritárias da AMB”.

amaapgrupotrabva 15O presidente Jayme de Oliveira discorreu sobre algumas ações desenvolvidas e outras a serem apresentadas ainda este ano pela entidade neste sentido, além de uma atuação no CNJ e Tribunais de Justiça.

amaapgrupotrabva 17A presidente da Amaap, juíza Elayne Cantuária, chamou a atenção também para o debate sobre a mulher magistrada, “suas dificuldades, peculiaridades e políticas inclusivas”. A anfitriã do encontro frisou que apenas sete magistradas presidem as associações regionais, sendo as regiões Norte e Nordeste as que reúnem a maioria das presidentes – quatro, do total.

Sobre o primeiro encontro dos presidentes da região, Elayne Cantuária disse que “foi uma oportunidade de debater assuntos importantes e sensíveis da nossa região, dos Estados pequenos, da nossa representatividade e associativismo”.

amaapgrupotrabva 10Para a presidente da Associação dos Magistrados da Paraíba (AMPB), Maria Aparecida Gadelha, encontros assim são fundamentais à luta associativa. “Nessas oportunidades temos condições de discutir, pessoalmente, os assuntos que dizem respeito à Magistratura do Brasil como um todo. Em relacão aos estados do Norte e Nordeste, que têm situações e conjunturas muito parecidas, a reunião viabiliza, além do contato direto, o pensar em conjunto e a busca de soluções para realidades bem próximas”, ressaltou.

amaapgrupotrabva 1Participaram também da reunião a vice-presidente de Direitos Humanos da AMB e presidente da Asmeto, Julianne Marques, o diretor de Prerrogativas da AMB e presidente da Amam, José Arimatéa Neves, e a tesoureira-adjunta da AMB, Maria Rita Manzarra. Dos presidentes das associações regionais estavam Silvio dos Santos Maria (Amepa), Ney Alcântara (Almagis), Thiago Brandão (Amapi), Ricardo Alexandre da Costa (ACM), Cássio André Borges (Amazon), Luís Camolez (Asmac) e a vice-presidente da Ameron, Inês Moreira da Costa.

Fonte: AMB

 

Deixe Seu Comentário abaixo: