Banner
Operação cumpre mandado de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão | Divulgação
Amapá

Nova operação da Polícia Federal apura crimes fundiários no Amapá

A Polícia Federal (PF) cumpre na manhã desta quinta-feira (20) dois mandados de prisão temporária, um mandado de prisão preventiva e cinco mandados de busca e apreensão no curso da Operação Terras Caídas. A operação ocorre de forma simultânea nas cidade de Macapá (AP) e Porto Velho (RO). Segundo a PF, o objetivo de desarticular organização criminosa especializada em forjar a regularização de terras da União.

 

GOVE  mobile

A ação é resultado de trabalho em conjunto com o Ministério Público Federal. De acordo com a investigação criminal, os autores inseriam dados falsos de imóveis rurais pertencentes à União no Sistema de Gestão Fundiária (SIGEF), administrado pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), atribuindo-os a particulares.

 

Ainda segundo as investigações, os envolvidos iniciavam o procedimento de regularização fundiária junto ao Incra, utilizando dados ideologicamente falsos.

Deixe Seu Comentário abaixo: