Banner
Opinião

Notas da coluna ARGUMENTOS, segunda-feira, dia 29 de outubro de 2018

Vitória
O governador Waldez Góes, do PDT, foi reeleito ontem para seu quarto mandato como gestor máximo do Amapá. Ele quebra todos os recordes dos demais políticos locais, entre eles Barcellos e Capiberibe, adversário de Waldez nesse 2º Turno.

Apuração
Foi uma apuração emocionante – tanto para um lado quanto para o outro. É que no início da totalização Capi liderava a disputa, com direito a uma diferença grande em Oiapoque e no Jari. Mas depois veio a virada.

Votação
Com direito a mais um show de cobertura do Sistema Diário de Comunicação, os eleitores viram já no terceiro boletim de totalização do TSE a virada de Waldez para cima de Capi. A diferença, então, foi só aumentando.

Gestão
Em sua primeira entrevista após o anúncio – matemático – de sua reeleição, Waldez desceu do palanque, por assim dizer, afirmando que já irá reunir com prefeitos e com a bancada federal.

Verbas
Um dos focos dele agora é lutar pela atualização da tabela de procedimentos do SUS, como também fazer gestões semana que vem para aquinhoar o estado com emendas parlamentares para o próximo ano.

Reeleito

Tendo um dos maiores empreendedores do Amapá como seu vice, Waldez Góes pavimenta fazer seu melhor mandato como governador, mais experiente, com mais rodagem, experimentado no debate de ideias e com um enorme apoio político reforçado no segundo turno a partir do diálogo com as novas bancadas estadual e federal. Que assim seja!

Presidente
Em nível nacional, a tendência se consolidou, e Jair Bolsonaro é o novo Presidente da República. Ele chegou a gravar um vídeo falando sobre a disputa do Amapá, dizendo que permaneceria neutro, mas que em caso de vitória tinha compromisso com este torrão mais setentrional do país.

Liderança
Neste cenário, Jair Bolsonaro passa a ter um homem forte no Amapá, Guaracy Júnior (PTC), que disputou o Senado Federal com expressiva votação. Ele é pastor evangélico e com excelente trânsito junto a Bolsonaro, tanto que coordenou um grande movimento local para pedir votos ao candidato do PSL.

Projetos
Bolsonaro declarou ter um olhar diferenciado para o Amapá, por sua localização geográfica e por um programa de políticas de fronteiras que pretende editar. Militar da reserva do Exército, Bolsonaro já escalou o ex coronel-aviador e astronauta Marcos Pontes para a Ciência e Tecnologia.

 

Deixe Seu Comentário abaixo: