Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quarta-feira, 31 de janeiro de 2018

CULTURA | Começa amanhã em Macapá a inédita "Semana do Japão no Amapá"

A arte do tradicional 'Taiko', um tambor japonês, será apresentada em Macapá
A população amapaense terá a oportunidade de conhecer um pouco mais da cultura japonesa e sua diversidade, na programação da Semana do Japão no Amapá – Diversidade Cultural na Linha do Equador, a ser aberta amanhã em Macapá. Primeiro evento no Amapá com o selo dos 110 Anos da Imigração Japonesa no Brasil apresenta programação que inclui demonstração e oficinas de Ikebana (arranjo floral), Origami (dobradura de papel), Yukata (vestimenta japonesa típica de verão), Mangá (gibis japoneses), dança folclórica japonesa, Taiko (tambor japones), Shodo (caligrafia) e Soroban (ábaco), este último inédito em Amapá.
No dia 1º, a partir das 18h30, está previsto a abertura da Semana com apresentações de dança ao som do tambor, seguida da breve palestra proferida pelo cônsul principal do Japão, Sr. Keiji Hamada. No dia seguinte, às 18h30 está prevista a apresentação sobre bolsas de estudo oferecidas aos estudantes brasileiros pelo Governo do Japão. Nos dias 1º e 2, em diferentes horários, serão realizadas as oficinas e exposições acima. Nos dias 2 e 3, será oferecido Serviço Consular. Tudo com entrada franca, na sede do Sebrae em Macapá.
O evento é uma parceria entre o Consulado do Japão em Belém, Fundação Japão e Sebrae no Amapá, com o apoio da Associação Nipo-Brasileira do Amapá, Amcel e Colégio Intergenius.

Programação
Data: 1º de Fevereiro (Quinta-Feira)
Hora: 18h30
Evento: Abertura da Semana com apresentação de dança folclóricas japonesas e dos sons do taiko (tambor japones), com a participação também dos artistas locais.

Data: 2 de Fevereiro (Sexta-Feira)
Bolsas de Estudo
Hora: 18h30
Evento: Apresentação de diversas modalidades de bolsas de estudo oferecidas pelo Governo do Japão aos estudantes e pesquisadores locais. O Consulado do Japão em Belém recebe inscrições para concurso de bolsas de estudo no Japão para a modalidade de pesquisador, graduação, escola técnica, curso profissionalizante, educação escolar e língua e cultura japonesa. Nesta palestra, os interessados poderão tirar as suas dúvidas para candidatar a uma vaga e estudar em universidade do Japão.

Yukata 浴衣 (vestimenta japonesa típica de verão)
Data: 2 e 3 de Fevereiro (Sexta-Feira e sábado)
Hora: das 9h às 10h30, das 10h30 às 12h
Hora: das 9h às 10h30, das 10h30 às 11h30
Venha experimentar o Yukata e tirar uma foto para guardar de lembrança. Nos festivais de verão japonês (matsuri), geralmente encontramos pessoas usando yukata. Yukata é utilizado após o banho e continua sendo usado em hotéis tradicionais (ryokan) e em estação de águas termais (onsen) do Japão. Yukata pode ser usado por homens, mulheres e crianças.

Minyo 民謡 (dança folclórica japonesa)
Data: 2 e 3 de Fevereiro (Sexta-Feira e sábado)
Hora: das 9h às 10h30, das 10h30 às 12h
O Minyo era entoado no Japão antigo durante as inúmeras celebrações das comunidades, incorporando a perseverança no trabalho, enaltecendo as alegrias alcançadas e sublimando as dores do cotidiano. Existe também uma estreita relação entre as músicas e a vida cotidiana dos japoneses, como nas cantadas em celebrações tradicionais. Uma das mais conhecidas acontece em agosto, no Finado (Obon) do Japão, destinada a receber os espíritos dos antepassados, cada região do Japão executa as danças chamadas de Bon-Odori, ao som de tambores e canções. Aprenda os passos dessas danças e caia na roda da dança.

Ikebana生花 (arranjo floral)
Data: 2 e 3 de Fevereiro (Sexta-Feira e sábado)
Hora: das 10h30 às 12h
Hora: das 14h30 às 16h, das 16h às 17h30
Há diversos estilos de Ikebana, tais como Sangetsu, Ikenobo e Ohara. Ikebana, em japonês significa "flores vivas", também é conhecida como KADO - a via das flores. A arte foi desenvolvida de modo a incluir o vaso, caules, folhas e ramos, além das flores. A estrutura de um arranjo floral japonês está baseada em três pontos principais que simbolizam o céu, a terra e a humanidade, embora outras estruturas sejam adaptadas em função do estilo e da Escola. Aprenda esta arte e decore seus ambientes de forma harmônica.

Mangá (漫画)
Data: 2 e 3 de Fevereiro (Sexta-Feira e sábado)
Hora: das 16h às 17h30
Hora: das 14h30 às 16h, das 16h às 17h30
O Mangá é a "história em quadrinhos" no estilo japonês. Sua origem está no Teatro das Sombras, que na época feudal percorria diversos vilarejos contando lendas por meio de fantoches. Essas lendas acabaram sendo escritas em rolos de papel e ilustradas, dando origem às histórias em sequência, e consequentemente originando o Mangá. Vários Mangás dão origem a animes para exibição na TV, vídeo e em cinema, assim como há o processo inverso em que os animes tornaram-se edições impressas.

Origami 折紙 (dobradura de papel)
Data: 2 e 3 de Fevereiro (Sexta-Feira e sábado)
Hora: das 9h às 10h30, das 10h30 às 12h
Hora: das 9h às 10h30, das 10h30 às 11h30
Palavra de origem japonesa vem do verbo “oru” = dobrar e “kami” – papel. Atualmente, além de ser uma das artes transmitidas nas escolas, é também um dos exercícios praticados pelos portadores de necessidades especiais e de idade, com excelente resultado. Serão repassados dobras para entreter crianças e adultos.

Soroban 算盤 (ábaco)
Data: 2 de Fevereiro (Sexta-Feira)
Hora: das 9h às 10h, das 10h30 às 16h
Aprenda a calcular e desenvolver habilidades de raciocínio e memorização com a calculadora japonesa.

Taiko 太鼓 (tambor japonês)
Data: 2 e 3 de Fevereiro (Sexta-Feira e sábado)
Hora: das 9h às 10h, das 10h às 11h, das 15 às 16h30 e das 16h30 às 17h30
Hora: das 9h às 10h, das 10h às 11h
O taiko é um instrumento de percussão, cuja superfície é confeccionada com pele de animal. É tocada com a mão ou com o uso de uma baqueta, mas sempre exige do músico a habilidade rítmica e o preparo físico para sustentar batidas homogêneas e obter som satisfatório.

Shodo 書道 (arte da caligrafia)
Data: 2 e 3 de Fevereiro (Sexta-Feira e sábado)
Hora: das 14h30 às 16h
Hora: das 14h30 às 16h, das 16h às 17h30
A arte caligráfica japonesa, o shuji, é feito com pincel e tinta especial, e constitui-se simplesmente na principal arte do oriente e num mecanismo de grande importância para a compreensão da cultura japonesa.

Serviço Consular Itinerante
Recebimento de comunicados civis (nascimento, casamento, etc.de japoneses), além pedidos de passaporte japonês, título eleitoral do Japão e de certidões diversos e informações sobre visto japonês

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE