Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

OPINIÃO | "O ano que termina, sob a ótica do turismo", artigo de Edyr Pacheco

O ano que termina, sob a ótica do turismo.

O ano de 2017, está entrando na sua última semana. É momento de se refletir o que representou para o turismo local e brasileiro. 
No brasil,  por conta da falta de políticas de Estado, não tivemos um resultado positivo. Patinamos, o ano todo, com agravamento da crise do Rio de Janeiro, porta de entrada do turismo nacional, o parque hoteleiro ficou com um déficit bastante largo, o que fez com que os nossos turistas migrassem para outro destinos do planeta.
No Amapá, também não foi diferente, sentimos a falta de uma política pública contínua, persistente. 
mesmo os coadjuvantes do turismo como Trade, Ceturh, Sindetur não conseguimos implementar um Turismo organizado com um plano bem traçado e executado.
Chega-se ao fim do ano, com certa impotência, mas crente ainda de que em 2.018, os nossos gestores maiores terão um olhar mais profissional e inteligente para perceber que o turismo é e será uma das melhores sacadas do Amapá. 
Nosso parque empresarial, está acreditando e apostanto alto no seguimento. Construímos inúmeros pontos de lazer e acomodações nos limites do município e do estado.
Em breve inauguraremos o maior complexo de hospedagem com 154 novos apartamentos na categoria conforto turístico, e assim vamos fazendo nossa parte. 
Vamos torcer para conseguirmos levar nossos visitantes com conforto e seguranças a estes novos pontos de lazer. 
Esperamos resolver as dificuldades do trânsito na fronteira internacional assim como a cooperação no turismo de selva, aventura, náutico etc.
O Ceturh e Sindetur, desejam a todos os que fazem parte dessa cadeia turística, um FELIZ NATAL e PRÓSPERO em todos os sentidos ANO NOVO!!

Edyr Pacheco é empresário, presidente do Sindicato das Empresas de Turismo do Amapá (SINDETUR).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE