Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


domingo, 5 de novembro de 2017

AMAPÁ | Um dia antes de devolver o cargo, vice Papaléo 'rala' no quartel do Exército

Créditos: Maksuel Martins/Secom-GEA
O governador em exercício do Amapá, Papaléo Paes, participou neste sábado, 4, de uma solenidade alusiva ao Dia do Oficial de Reserva (R2), comemorado em 4 de novembro. A celebração, que proporcionou a cerca de 40 reservistas a oportunidade de relembrar os tempos de caserna, foi organizada pelo 34º Batalhão de Infantaria e Selva (34º BIS) e pela Associação dos Oficiais de Reserva do Exército do Estado do Amapá (Aore).
O comandante do 34º BIS, Robson Mattos, destacou que a solenidade é uma forma de homenagear os oficiais que dedicaram anos de suas vidas servindo à instituição e ao país, desenvolvendo missões árduas e gratificantes. “Os valores aprendidos na caserna nunca são esquecidos. Estamos muito felizes em tê-los aqui neste dia”, afirmou.
A programação aconteceu no quartel do Exército do Amapá, Zona Oeste da capital, e iniciou com apresentação da Banda de Música do 34º BIS e desfile dos oficiais de reserva. Posteriormente, os militares participaram de uma oficina de percurso de pista utilizando bússola e pontos de referência. Eles integraram também a oficina de posições de tiro e conduta de armamento, onde relembram as regras para manusear fuzis e pistolas. A cerimônia finalizou com formatura dos reservistas e entrega de diplomas.
Papaléo Paes destacou que o encontro “foi uma oportunidade de rever amigos e resgatar boas lembranças dos tempos de caserna”. O governador em exercício, que é cardiologista, contou que serviu no Exército Brasileiro na década de 1980 e que atuar no Amapá foi uma opção.
A experiência possibilitou que ele desenvolvesse a atividade médica na instituição e lhe acrescentou novos aprendizados relacionados à vida militar. “O mais importante foi conviver com a disciplina, com a ordem e o respeito, que são valores que predominam nesta instituição”, finalizou.
O secretário de Estado da Saúde, Gastão Calandrini, também foi um dos participantes e reviveu os momentos de quartel ao lado dos companheiros reservistas.

Dia do Oficial de Reserva
A data é comemorada pelo Exército Brasileiro com o intuito de enaltecer o compromisso que os oficiais têm de defender o Brasil, em caso de necessidade interna ou externa. A celebração reverencia o nascimento do tenente-coronel Correia Lima, idealizador dos Órgãos de Formação Oficial de Reserva do país, cuja necessidade de existência foi observada em 1918, pós Primeira Guerra Mundial.

2 comentários:

  1. Bacana,parabéns ao comandante do EB no Amapá por proporcionar momentos que não voltam mas na vida militar.

    ResponderExcluir
  2. Bacana a iniciativa do comandante do EB no Amapá em manter vivo o espírito de guerreiro de Selva aos ex-combatentes e ao amigo Cléber sempre vigilante nas notícias da caserna.

    ResponderExcluir

Contribua conosco!

PUBLICIDADE