Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quinta-feira, 26 de outubro de 2017

OPINIÃO | Notas da coluna ARGUMENTOS, quinta-feira, dia 25 de outubro de 2017.

Agro

Na Embrapa Amapá, muitas oportunidades são oferecidas aos estudantes em várias áreas do conhecimento, desde o cultivo de peixes e camarões, tracajás, até os estudos dos solos, doenças de plantas e desenvolvimento de frutíferas.

Causa
O amor à ciência e a carreira da maioria dos pesquisadores começa por meio de estágios em projetos de Iniciação Científica desde a época da graduação, diz a jornalista Dulcivânia Freitas, que é da Embrapa.

Exposição
Pra fechar, ontem, uma parte dos resultados de pesquisas realizadas com a participação fundamental dos bolsistas e estagiários passaram a ficar em exposição em 26 posteres afixados no prédio administrativo.

Mobilização
Aconteceu ontem a primeira reunião do intercâmbio entre as Câmaras Municipais, projeto denominado Parlamento Forte. Iniciativa é do presidente da Câmara de Macapá, vereador Acácio Favacho, do PROS.

Alcance
A ideia é mesmo fortalecer os legislativos mirins, com muita troca de experiências e visibilidade, claro. Ontem, os vereadores de Oiapoque vieram à capital para o evento e terminaram no Setentrião.


Violência 

O presidente do Tribunal de Justiça, Carlos Tork, falou abertamente sobre sua preocupação com relação à segurança pública, sugerindo até que milícias possam mirar agir no Amapá. “A gente não pode permitir que o crime organizado mande ou estabeleça o terror”, disse ele em entrevista coletiva no projeto “Bate Papo com o Presidente”.


Social
Saiu ontem um polêmico ranking de um site que une senhores moças jovens a senhores bem-sucedidos, chamado de “Relacionamento Sugar”. O detalhe é que o Amapá figura na lista onde os relacionamentos foram possíveis graças a essa rede social. O “mercado sugar” está em grande ascensão, dizem.

Estradas
Por falar em ranking, rende muita discussão a divulgação pelo DNIT nacional de que o Amapá lidera a lista dos estados brasileiros com as rodovias mais conservadas. O recorte que precisa ser feito é com relação ao fato do levantamento levar em consideração os trechos já pavimentados, pois os de terra a gente tá mal.

Logística
Ainda sobre competitividade, o nosso estado precisa mesmo pensar nisso pois bem ali ao lado, no Pará, é grande a mobilização para que o setor de infraestrutura desponte e não dê chance para os ‘vizinhos’. Sabe-se da posição geográfica privilegiada que temos, então mãos à obra!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE