Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quinta-feira, 21 de setembro de 2017

OPINIÃO | Notas da coluna ARGUMENTOS, quinta-feira, dia 21 de setembro de 2017.


Televisão

Um militar brilhante e comunicativo. Com estes predicados o atual comandante do Exército, general Villas Bôas, foi ao programa de Pedro Bial falar a respeito da polêmica em torno do posicionamento de um colega – Mourão – sobre intervenção militar.

Exército

O comandante minimizou, falando que aquilo foi dito em um ambiente restrito – uma loja maçônica – e que não reflete um posicionamento oficial da chamada Força Terrestre.

Intervenção

Villas Bôas também diz que intervenção o Exército já faz, afinal soldados e tanques estão nas ruas do Rio agora, como em outros episódios e localidades. Mas sublinha que é papel do Exército garantir eleições.

Política

Sem titubear, o general falou de todos os temas levantados, inclusive sobre 1964. Bial também fez o papel de levantar todas as inquietações da sociedade, todos os lados envolvidos e com expectativa.

Íntegra

Na internet está disponível a íntegra da conversa do general Villas Boas no “Conversa com Bial”. A versão completa tem 46 minutos, mas vale a pena assistir devido ao nível do debate.

Rio
Não só de hidrelétrica pode viver um rio. Concorda? Pois é, nem de pororoca (que até acabou por lá). Mas o fato é que pesquisadores estão levantando todas as possibilidades para o Araguari. Até o aproveitamento de frutos proveniente

Caneta

O governador Waldez Góes sancionará nesta quinta-feira, no Palácio do Setentrião, a lei que concede realinhamento salarial aos servidores civis integrantes do Grupo Magistério do cargo de auxiliar educacional e que institui a Gratificação de Suporte Técnico e Pedagógico (GSTP).

Valores

A concessão deste realinhamento foi proposição do próprio governo do Estado, durante as rodadas promovidas pela mesa de valorização da Agenda do Servidor. O realinhamento do vencimento básico dos Auxiliares Educacionais-Administração passa de R$ 1.432,59 para R$ 1.862,00 (MAE01).

Base

O reajuste faz-se necessário para que o vencimento básico fique em um patamar salarial razoável e de equilíbrio para os profissionais que trabalham na área da educação. A lei abrange ainda a instituição de gratificação na ordem de de 15% sobre o vencimento base dos profissionais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE