Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quinta-feira, 14 de setembro de 2017

ECONOMIA | Vendas no comércio amapaense variam 0,1% em julho, diz IBGE



O volume de vendas no comércio varejista amapaense praticamente permaneceu estável na passagem de junho para julho. Apresentando uma variação de 0,1% na comparação entre os dois meses citados. Já a receita nominal de vendas teve uma leve queda na mesma comparação (-0,1%). Ambas as taxas foram calculadas na série com ajuste sazonal. Tal ajuste permite comparar meses com comportamentos distintos. 
Em relação a julho de 2016, o crescimento foi de 6% no volume de vendas e de 3,6% na receita nominal. Colocando o Amapá na 6ª colocação entre as Unidades da Federação. 
A variação acumulada em 2017 alcançou 2,7% no volume de vendas e 4,1% na receita nominal. Apesar do crescimento ocorrido durante os 7 primeiros meses deste ano, o acumulado dos últimos 12 meses ainda persiste com perdas de -5,3% e -0,6% no volume de vendas e na receita nominal, respectivamente. 

 

O volume de vendas do comércio varejista ampliado (inclui além do varejo as atividades de Veículos, motos, partes e peças e de Material de construção) amapaense teve crescimento de 7,9% em comparação com julho de 2016 e a receita nominal cresceu 6,2% no mesmo período. No acumulado de janeiro a julho de 2017, o volume de vendas atingiu 3,2% a mais que os mesmos meses de 2016 e a receita nominal alcançou crescimento de 4,8% também na mesma comparação. Em relação ao acumulado nos últimos 12 meses, o varejo ampliado desta Unidade Federativa apresenta variações negativas de -3,8% no volume de vendas e -0,2% na receita nominal deste subsetor.

Estes são os principais destaques da Pesquisa Mensal do Comércio divulgada hoje pelo IBGE referente ao mês de julho do corrente ano. Mais informações podem ser acessadas em:

http://www.ibge.gov.br/home/estatistica/indicadores/comercio/pmc/default.shtm 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE