Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quarta-feira, 13 de setembro de 2017

AVIAÇÃO | Azul faz oferta de distribuição secundária de ações preferenciais

                                                                                                                                                                            Folha
A Azul S.A., “Azul”, fará hoje uma oferta de distribuição secundária de ações preferenciais, a ser realizada simultaneamente no Brasil e no exterior. A ação permitirá que alguns dos acionistas da companhia, que estão desde a fundação da empresa, vendam parte de suas ações de forma organizada, resultando em um aumento da liquidez das ações da companhia.

Entre os investidores que participarão da oferta está uma entidade que beneficiará a ex-esposa de David Neeleman, fundador da Azul, que segue como controlador acionário da empresa. Esta transação não altera em nada o controle e a influência de David no dia a dia da companhia. Investidores estratégicos como o Grupo HNA e a United Airlines, assim como todos os demais investidores controladores, não estão nesse grupo de investidores que participarão da oferta.

Confira as informações completas sobre essa ação no fato relevante divulgado ao mercado aqui.

A Azul S.A. (B3: AZUL4, NYSE: AZUL) é a maior companhia aérea do Brasil em números de cidades atendidas, com 739 voos diários e 102 destinos. Com uma frota de 123 aeronaves e mais de 10.000 funcionários, a Companhia possui uma rede de 202 voos sem escalas em 30 de junho de 2017. Dentre os prêmios recebidos, a Azul foi nomeada a Terceira melhor companhia aérea do mundo pela TripAdvisor Travelers' Choice in 2017, melhor companhia aérea low-cost da América do Sul pelo sétimo ano consecutivo pela Skytrax em 2017 e também foi considerada a melhor liderança regional em 2016 pela Flight Airline Business. Para mais informações, visite www.voeazul.com.br/ri.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE