Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

quinta-feira, 15 de junho de 2017

OPINIÃO | Notas da coluna ARGUMENTOS, quinta-feira, dia 15 de junho de 2017.



Ipem

O Instituto de Pesos e Medidas está fiscalizando os produtos típicos mais consumidos nesta época do ano das festas juninas. A Operação “São João” visa fiscalizar peso, quantidade ou volume, se estão de acordo com as indicações fornecidas pelos fabricantes.

Amostras

Retirados exemplares de artigos comuns nas festas, como milho de pipoca, canela em pó, cravo-da-índia, noz-moscada, canjica e doces específicos, como pé-de-moleque, paçoca, totalizando 182 produtos.

Garantia

O Governo Federal autorizou o empenho de emendas parlamentares do deputado federal Vinícius Gurgel (PR/AP) para o município de Pracuúba. O aporte financeiro será investido obras de infraestrutura na cidade.

Ruas

Objetivo é melhorar o trafego de veículos e a locomoção dos pedestres que vivem em Pracuúba. Vinícius alocou R$ 435 mil para pavimentação, uma das principais reivindicações da comunidade.

Extensão

Unifap ofertará treinamento funcional, dança de salão, lutas, natação e hidroginástica para a comunidade acadêmica e sociedade em geral. Projeto inclusivo é do curso de Educação Física. Nota 10!

Hilário
Uma cena inusitada em plena hora do almoço, quando o trânsito trava e o sol aperta mais. E não é que o sujeito que viajava na carroceria desta picape arrumou uma sobra de palmeira em pleno centro da cidade? É claro que está errado transportar passageiro lá em cima, Mas valeu a foto!



Olha essa. Em Boston, nos Estados Unidos, se um morador achar um buraco na rua é só tirar uma foto dele e enviar para a prefeitura. A ordem é mandar arrumar logo a avaria na rua e, como satisfação ao contribuinte, o poder público envia uma foto de volta, com o reparo sendo providenciado.



Por aqui, no Amapá, quando populares chegam a tirar foto de buraco logo viram memes nas redes sociais. Claro que não fica barato, pois a galera acrescenta geralmente alguma placa junto, batizando o lugar com o nome do prefeito de plantão. Asfalto deve estar entre os maiores sonhos de consumo.

Acolá

Em algumas prefeituras do interior de São Paulo, já se ouviu falar de uma modalidade de pavimento que tem o custo compartilhado entre a administração pública e os moradores de cada lado da via. E a faturaé cobrada em parcelas, que chegam às casas em um carnê. Avanço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!