Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


segunda-feira, 3 de abril de 2017

Notas da coluna ARGUMENTOS, quinta-feira, dia 30 de março de 2017.


Parou
A onda de protestos e até de greve na Guiana Francesa atrapalharam até o lançamento de um satélite do Brasil pelo Centro Espacial de Kourou. Em nota, o Ministério da Ciência e Tecnologia diz não haver uma previsão oficial para a nova data de lançamento.

Economista
Jurandil Juarez debruçou-se no decreto presidencial de Michel Temer que homologa um dos novos acordos internacionais com a França sobre a fronteira da Guiana Francesa. Cria área de livre comércio na divisa.

Injeção
Falando à coluna, Jurandil diz que o acordo prevê incentivos para a comercialização de itens de subsistência na região entre as cidades de Saint Georges e Oiapoque, qu epode impulsionar o comércio local.

Mercado
Um olhar mais atento identifica pelo menos 8 mil itens só de supermercado que podem ser comercializados nessa nova área de livre comércio. Oportunidade então para os brasileiros atenderem futura demanda.

Velhinha
Segundo levantamento feito pela Associação Comercial do Amapá em Brasília, a construção da rodovia BR 156 foi iniciada oficialmente em 1935. Isso prova ser ela a rodovia federal mais antiga em construção no país.

Academia
A Universidade Federal do Amapá divulgou edital para interessados em ingressar no curso de especialização em Políticas Educacionais. As inscrições iniciam no dia 12 de abril e seguem até o dia 21 do mesmo mês e serão aceitas somente via internet, por meio do site www.unifap.br.

Visita
O ministro Sarney Filho lidera uma comitiva que visita Macapá nesta quinta-feira. Integra um projeto chamado “Caravana Verde” do Ministério do Meio Ambiente, que objetiva orientar e auxiliar os Estados no combate ao desmatamento. Ele já passou por Amazonas, Rondônia, Acre e Mato Grosso.

Parque
Na oportunidade será assinada uma portaria interministerial para criação de um grupo de trabalho que irá regulamentar o artigo 3º do Decreto Presidencial que cria o Parque Nacional Montanhas do Tumucumaque. O decreto pode substituir as reservas legais nos assentamentos administrados pelo Incra.

Avanço
É que pelas regras atuais, esse produtores só podem explorar para a agricultura familiar 20% da área. O decreto pode aumentar em até 50%, regulando as medidas de preservação.  A comissão é formada por MMA, INCRA, ICMBio e SEMA. Uma boa agenda essa por aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE