Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Notas da coluna ARGUMENTOS, terça-feira, dia 31 de janeiro de 2016.

Figura

E o Eike, hein? Dizer o que a respeito daquela entrevista que concedeu ao repórter da Globo em NY antes de ser preso no Brasil? Ele alega que o pagamento de propina era o único jeito de ganhar contratos e fazer prosperar seus negócios. Sacou? Se faz de vítima.
 
Dureza

Agora, uma coisa que chamou a atenção foi terem raspado sua cabeça mesmo sendo apenas um preso provisório e não um preso de justiça (condenado). Pra mim é um (duro) recado que o país é passado a limpo.

Sacada

Por falar em reportagem, dona Rede Globo mostrou a velha competência para um furo de reportagem e tanto. Comprou bilhete da classe executiva para seu repórter registrar até o último sono (rico) de Eike.

Segue

Enquanto isso, em Brasília, a presidente do STF, ministra Carmen Lúcia, faz andar os processos deixados pelo ministro falecido. As delações da Odebrecht são homologadas por ela. Agora é ver o que virá.

No rádio
Primeira mulher a presidir o Jeep Clube de Macapá, Perpétua Mourão foi ao nosso Conexão Brasília de sábado falar dos desafios de dirigir algo quer tinha tudo para ser um “clube do Bolinha”, mas que é extremamente democrático, familiar e que abraça causas sociais. Foi dez!

Legado

Para fechar as reflexões sobre corrupção, a gente fica com aquela frase do Eike, que disse acreditar ser esse um processo irreversível esse de passar o Brasil a limpo. “Seremos um pais muito melhor”, disse.

Edital

A Caixa Econômica publicou Edital de Chamada Pública para pré-selecionar projetos que serão analisados pelo FI-FGTS. A nova dinâmica compõe o conjunto de medidas de aprimoramento que a CAIXA e o Comitê de Investimento estão adotando para incrementar a aplicação de recursos no Fundo.

Espera

O governador Waldez não dá nem pistas a respeito de para onde deve mirar seus projetos futuros projetos políticos. Ir a reeleição ou retomar o projeto de ser senador. Ainda é cedo, claro, mas ele tem a exata noção do quanto essa decisão mexe com o tabuleiro político por aqui. Por ora, é candidato a fazer boa gestão.

Segurança

Secretário Ericláudio (Sejusp) vai dedicar uma boa parte de seu planejamento a captar recursos federais para investir em uma nova penitenciária e equipar as polícias. Dinheiro para isso tem, mas para acessar é preciso fazer o dever de casa em relação à papelada. E ir a Brasília.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE