Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


domingo, 7 de fevereiro de 2016

TURISMO | Nascer do sol em Macapá

A imagem de um novo dia raiando é uma das mais belas manifestações da generosidade do Criador para com os amapaenses.
Ao lado da Fortaleza de São José de Macapá, pontualmente às 6h28 da manhã, o astro-rei surge imponente para iluminar a capital do Amapá e sensibilizar as pessoas que apreciam a natureza.
Por Cleber Barbosa
Para a Revista Diário

Certa vez uma turista gaúcha que encontrou o forte calor de Macapá definiu assim a origem do ‘bafão’ que se tem na cidade: “Aqui faz sol o ano inteiro e o único lugar que faz sombra é debaixo da linha do Equador, mas ela é imaginária...” Mas o fato é que quando o sol se põe a temperatura muda bastante, impulsionada pela brisa que sopra em abundância na capital do Amapá, especialmente na beira do maior rio do planeta, o Amazonas. Só que de uns tempos para cá, turistas e moradores da cidade passaram a observar uma outra atração local: o nascer do sol.
Quem costuma acordar cedo para a prática saudável das caminhadas, corridas ou mesmo exercícios físicos na orla de Macapá, certamente já se deparou com este verdadeiro espetáculo da natureza. O sol nasce no Leste, então como Macapá tem como seu limite nessa direção apenas o rio-mar, a visão o astro-rei surgindo das águas é simplesmente maravilhosa.
Entre os principais pontos para a contemplação desta cena, está o Parque do Forte, o popular Lugar Bonito. Dali, tendo a imponência da Fortaleza de São José de Macapá, como testemunha, é possível perpetuar a imagem fazendo belas fotos, como essa do fotógrafo MR. Fonseca, que foi de enorme sensibilidade e felicidade no registro. A mensagem que fica é para que todos os que moram em Macapá possam olhar mais para esses detalhes e valorizar cada vez mais a cidade que Deus nos deu e que devemos saber cuidar.

CURIOSIDADES
Em Macapá, o sol nasce pontualmente às 6h28, o que se chama de ICMN (Início do Crepúsculo Matutino Náutico). Duas vezes por ano, dia e noite tem exatamente  a mesma duração: 12 horas. São os dias do fenômeno natural do Equinócio, que ocorre em março e em setembro, dando início a duas novas estações climáticas no planeta. Em Macapá esse fenômeno pode ser visto a olho nu no Monumento do Marco Zero do Equador, que costuma lotar nessas datas especiais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE