Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Notas da Coluna Argumentos, quinta-feira, dia 18 de fevereiro de 2016.

Tabu

Quem já esteve em Serra do Navio certamente foi ou ficou com vontade de ir à Lagoa Azul. O lugar, além de belo, é também cercado de uma misteriosa dúvida: seria próprio para banho? Trata-se de uma velha mina que parou quando foi vencida pelo volume d’água.

Encheu

Quando a mina estava em plena operação, a mineradora Icomi já havia topado com o olho d’água. Usava bombas para tirar a água e poder extrair o minério. Depois que saiu, o buraco transbordou.

Fundo

Para fechar, sobre a lagoa, não existe essa história de contaminação. O banho é maravilhoso, pois a água é extremamente transparente, límpida. O risco mesmo é a profundidade, superior a 40 metros.

Rio

Isso nos faz lembrar que o ambientalista Almeida Júnior certa vez deu um pito num sujeito que lavava o carro na rampa do Santa Inês, sob pretexto de que curtia o rio Amazonas. Problema é a contaminação.

Gotículas

Na Macapá de outrora, muitos donos de carros lavavam o veículo na Lagoa dos Índios, despretensiosamente. Ambientalistas sustentam que partículas de óleo, graxa, enfim, podem provocar danos.

Patrulha
Depois de uma ampla reforma, o Navio Patrulha Amapá (foto), que compõe a Esquadra da Marinha do Brasil, volta a patrulhar os rios da Amazônia. E com resultados práticos como a apreensão de apetrechos e outros instrumentos que maus elementos usavam em delitos ambientais.

Itinerante

Enquanto ainda reclamam por mais atenção do poder público, de toda sorte de serviços, moradores do Macapaba receberam ontem técnicos do TRE. Foram atendimentos da 10ª Zona Eleitoral, com o apoio da Corregedoria da instituição, Secretaria de Tecnologia da Informação e Direção Geral.

Mudança

A ação da Justiça Eleitoral consiste em alistamentos, revisão biométrica e transferências. Os serviços são disponibilizados no ônibus da Justiça Eleitoral. Ontem a atividade contemplou um total de 122 cidadãos. Eles passarão a votar no Instituto Federal do Amapá (Ifap), localizado na Rodovia BR-210.

Números

De acordo com a chefe de Cartório da 10ª Zona, Ana Bela, o objetivo do itinerante é a transferência do local de votação de cerca de 5 mil eleitores que moram no Conjunto Macapaba e aproximadamente 1.400 cidadãos que residem no bairro Morada das Palmeiras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE