Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

sábado, 10 de janeiro de 2015

Servidores do Poder Judiciário do Estado do Amapá ganham promoção funcional

De 7 a 13 de janeiro os servidores do Judiciário que alcançaram as melhores pontuações na verificação de certificados deverão trazer seus documentos até o Departamento de Gestão de Pessoas para dar prosseguimento à sua promoção funcional.
O benefício é oriundo da Resolução nº 055/2005- TJAP e ocorre a cada dois, proporcionando ao servidor efetivo a ascensão nas classes/referências da tabela de vencimentos.
10% do total dos servidores efetivos, de cada carreira, que obtiver a maior pontuação no certame, receberão o benefício referente ao ano base a que concorrem, quais sejam 2010, 2012 ou 2014.
Segundo Rosilene Campos, Diretora do Departamento de Gestão de Pessoas, foi criado um sistema on line em que o próprio servidor inclui seus diplomas para cômputo na promoção.
“A metodologia foi mudada, antes era tudo manualmente.  A inovação veio com a ajuda do Departamento de Sistemas, onde tudo é feito eletronicamente, sendo necessário o comparecimento do servidor somente depois de divulgada a lista dos classificados. A partir de agora o servidor poderá alimentar permanentemente as informações referente ao seu aperfeiçoamento funcional, a serem avaliadas nas futuras promoções", explicou a diretora.
A Comissão responsável pela promoção definiu uma agenda para atender os 312 serventuários previamente classificados. O DEGESP pede que os servidores não percam a data e hora agendadas para a comprovação dos documentos.
Caso o servidor não possa comparecer ele poderá autorizar algum familiar ou responsável através de uma autorização escrita. O modelo do documento encontra-se no anexo da convocação divulgada por e-mail. Os servidores que não puderam vir nesse período, mas justificaram a ausência, terão até o dia 16 para apresentar documentos.
Após essa fase de ratificação, a listagem será homologada pelo Desembargador Presidente, e posteriormente publicada no Diário de Justiça Eletrônico - DJE abrindo-se os prazos para eventuais recursos.

Texto: Daniel Alves
Fotos: Adson Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!