Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Eymael diz que é preciso uma reforma tributária para desenvolver o AP

Candidato do PSDC desembarcou em Macapá nesta quinta-feira (28).
Presidenciável também comentou sobre políticas para a Amazônia.

Dyepeson MartinsDo G1 AP
Eymael é candidato pelo PSDC à presidência da República (Foto: Dyepeson Martins/G1)Eymael é candidato pelo PSDC à presidência da
República (Foto: Dyepeson Martins/G1)
O candidato pelo PSDC à presidência da República, Eymael, disse que, se eleito, realizará uma reforma tributária no Brasil. A medida, segundo ele, é indispensável para desenvolver o Amapá pois irá facilitar a implantação de industrias internacionais no estado. A declaração foi dada durante entrevista coletiva nesta quinta-feira (28), quando o presidenciável desembarcou em Macapá para participar de uma reunião com os seus correligionários.
“Há uma necessidade absoluta de nós termos uma reforma tributária. Temos outros processos também na área de desenvolvimento e para qualificar a mão de obra local. As três amarras para o Amapá e o Brasil crescer são essas”, afirmou.
Indagado sobre as propostas de campanha para desenvolver a região Norte, o candidato disse que a Amazônia é “historicamente deserdada pelo governo central”. Ele ressaltou que com o PSDC na presidência da República será “enfatizada a democracia cristã" para a floresta.
“Por que o nosso candidato à vice-presidente é um homem do Norte, de Roraima? Exatamente para enfatizar e reforçar o compromisso da democracia cristã com o resgate da nossa região”, frisou.
Eymael ressaltou que, para ele, o Brasil é regido pela melhor constituição nacional. Porém, ainda de acordo com o candidato, os governos “não cumprem e fazem cumprir a lei”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!