Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Preso no Pará o cantor que matou mulher e enteado em Macapá

policia-preso
Agentes da Polícia Civil do Amapá prederam ontem, 3, em Castanhal (PA), o cantor José Ribamar Damos Rosas do Nascimento, 37 anos, o “Jomar Nascimento”, que no dia 23 de julho passado matou a facadas a esposa Domingas Marques, 42, e o filho dela, Danilo Marques, 16 anos, em crime ocorrido no distrito do Coração.

Jomar foi preso por volta das 12h30, no bairro Ianatema, em Castanhal, em companhia de uma mulher cuja identidade não foi revelada. Ele trabalhava como ajudante de pedreiro naquela cidade.

O acusado deve ser transferido para Macapá ainda nesta semana, provavelmente na quinta ou na sexta-feira.

Ontem, o delegado Sérgio Grot, que preside o inquérito referente ao caso, concedeu entrevista coletiva à imprensa, quando explicou detalhes da investigação.

Entenda o caso - Na noite de 23 para 24 de julho, Jomar e a esposa Domingas travaram intensa discussão na casa dela, no distrito do Coração, por motivo de ciúmes. Jomar passou a espancar a mulher. Ato contínuo, o filho dela, Danilo, veio em socorro da mãe armado de uma cadeira. Jomar recebeu o garoto a facadas. Mãe e filho foram mortos (um em cada cômodo da casa).

Depois do crime, o cantor assassino (ele confessou o du-plo homicídio à polícia) fugiu do local do crime na bicicleta de Danilo, levando consigo os celulares das vítimas e uma bolsa preta contendo alguns pertences. No caminho, pediu emprestado R$ 50 a uma vizinha, alegando que iria a Porto Grande para o sepultamento do pai.

Na verdade, rumou para o Porto do Grego, em Santana, onde tomou um barco para Belém.

A polícia rastreou os celulares furtados pelo criminoso, e localizou Jomar Nascimento, ontem, em Castanhal. O juiz Marco Willim, da 2ª Vara Cri-minal de Macapá, expediu Mandado de Prisão contra ele, que foi preso em casa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE