Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura e política.

PUBLICIDADE

terça-feira, 11 de junho de 2013

Coluna Argumentos, 18 de maio de 2013.

Uma vaga

Com muitos já considerando certa a candidatura do senador José Sarney (PMDB-AP) rumo à reeleição, a pergunta que não quer calar agora é quem poderá ser o substituto em sua chapa como suplente desde o falecimento do empresário Salomão Alcolumbre.

Filme

Chega ao mercado esta semana o filme biográfico ‘Dr. Antunes’, sobre a trajetória do empresário Augusto Trajano de Azevedo Antunes (Caemi/Icomi). Bandas de jornaleiros serão os pontos de revenda do documentário.

Ação

A escola Nilton Balieiro, no Marabaixo, ficou pequena ontem para receber a Ação Global, do Sesi e da Rede Globo. Presidente da Fieap, Jozi Rocha, disse que descentralizar é uma decisão acertada e que continuará.

Cortez

O ex-prefeito de Santana, Rosemiro Rocha, é o fiel escudeiro da esposa - Jozi -, na missão dela de presidir a Federação das Indústrias. E ele tente ser o mais discreto possível nisso.

Gesto

O superintendente do Sebrae-AP, João Alvarenga telefonou ontem para o deputado Bala Rocha (PDT-AP) para agradecer o apoio e a emenda federal para a realização da Amazontech.

Energia

Esta subestação de energia na zona norte de Macapá, às margens da BR-210 é a prova de que o linhão de Tucuruí está chegando. Oficialmente o nome é linha é Jurupari-Macapá e vai interligar o antigo sistema isolado do Amapá ao sistema nacional.

Marca

O surfista Serginho Laus diz já ter quebrado o recorde mundial de permanência em uma única onda de pororoca. supereou sua marca e a do atual detentor, Steve King. Ele cravou 1h10min, o mesmo tempo que o amigo, mas percorreu uma distância muito maior, 23 quilômetros, contra os 15 do inglês.

Oficial

Ainda a respeito do surfista paranaense, vale lembrar que este feito não teve registro do Guinnes, daí não ser reconhecido. Ele se diz apaixonado pelo Amapá e passa quase metade do ano por aqui, nos últimos sete anos. Ele tem chamado a atenção para o assoreamento do Rio Araguari e para os riscos de acabar a pororoca com os projetos de hidrelétricas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!