Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


sábado, 26 de maio de 2012

Coluna Argumentos, quarta-feira, 23 de maio de 2012.

Filme velho

Só mudando os personagens, uma velha história de desavenças entre os Poderes Constituídos do Amapá vai sendo escrita. Mas tem um protagonista que encara suas brigas de frente. Cabra macho esse Moisés Souza (PSC), não? Bater de frente com o Ministério Público só com muita coragem ou muito argumento. Ele diz ter os dois.

Toma lá

A cidade foi acordada ontem pela repercussão da tal Operação Eclésia, que percorreu residências de funcionários da AL e de dois deputados estaduais, além do prédio onde funciona a administração e as finanças do Legislastivo. Os deputados alegam que o que os mandados de  busca queriam já tinha sido fornecido. MP diz que queria mais.

Dá cá

Nesse fogo cruzado entre Legislativo e Ministério Público, os deputados reagiram e prometem ir para o contra-ataque através da força de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). Este tipo de comissão dos parlamentos possui poder de polícia, para convocar agentes públicos e até pedir a quebra de sigilos.

Paradoxo

Cada profissão tem sua ética, certo? Então nem sempre o que é ético para uns por ser para o outro. A imagem do contraventor Carlinhos Cachoeira fazendo pouco caso dos integrantes da Comissão Parlamentar deu o que falar, já que seu advogado é o ex-ministro da Justiça, Márcio Tomaz Bastos.

Coletiva

O que era para consolidar o desfecho da operação do MP com apoio da Polícia Civil acabou por registrar a chefe do chamado Parquet, na defensiva, acuada por perguntas dos jornalistas a respeito das acusações feitas por um juiz federal. Ivana Cei chegou a sorrir, dizendo que é inocente. A empresa do seu marido é suspeita de fornecer para TAC’s firmados por ela.

Beleza

Conforme a tradição, as candidatas ao concurso Miss Brasil 2012 visitaram o Congresso Nacional. Foram recebidas hoje pelo presidente do Senado, José Sarney, na sala de audiências. Cada uma trouxe uma lembrança do seu estado como presente. A do Amapá, Adriana Silveira, 19 anos, entregou ao presidente uma miniatura do monumento Marco Zero.

Perguntinha

Uma moradora de Serra do Navio diz, resignada, à coluna que a única estrada que liga a região da chamada Perimetral Norte com a Capital, a BR-210, é “trafegável” seis meses por ano. Agora que as chuvas começam a amainar, a via está tomada de buracos e pode receber manutenção. Aí será a vem do pessoal comer poeira por lá. Quando sai esse alfalto heim?

Expectativa

Fazendo contas. É como estão algumas centenas de pré-candidatos a vereador de Macapá este ano, com a possibilidade da Câmara Municipal aprovar mesmo o aumento do número de vagas para o chamado parlamento mirim. É que se for aprovado em segundo turno, o aumento mexe com o coeficiente eleitoral e aí vai ter muita gente achando que “vai chegar”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE