Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Piloto do Amapá leva o título internacional do Rally das Savanas

Os pilotos José Maria e Manoel Mandi, exibem, orgulhosos, a bandeira do Brasil

SURINAME mais tradicional competição do esporte “Off-Road” da região caribenha, o Rally das Savanas acontece há 40 anos em Paramaribo e já é considerado o maior evento do País

Um dos mais experientes pilotos do Jeep Clube de Macapá, José Maria Esteves, o Zé Maria da Avicap, foi uma das grandes revelações da 40ª edição do Rally das Savanas, que aconteceu esta semana em Paramaribo, Capital do Suriname. No total, foram 98 competidores de vários países do Platô das Guianas e do Caribe, com o piloto do Amapá erguendo a taça na categoria Internacional.
José Maria acaba de retornar da viagem ao Suriname, onde esteve acompa-nhado do também piloto Manoel Mandi, empresário e presidente de honra do Jeep Clube de Macapá e que foi o sexto colocado na prova, mesmo tendo adoecido e perdido um dia de competições.
Falando à Rádio Diário FM ontem, os dois disseram que a prova é diferente do modelo adotado pelos jipeiros do Amapá, que competem num circuito "indoor" em provas contra o relógio. "Lá é um rally propriamente dito, com as provas de regularidade, que valorizam a navegação e a orientação, daí a importância do trabalho do navegador", explica José Maria Esteves, que usou um auxiliar do Suriname.

O grande vencedor da Categoria Internacional faz pose em frente à ponte binacional


Manoel Mandi explicou que o Suriname se mobiliza em apoiar e preparar o Rally das Savanas. "Para se ter uma idéia, o vice-presidente da República participou do evento, portanto prova que eles acreditam no potencial do tu-rismo e do esporte", disse.
Os pilotos do Amapá também ressaltaram o rigor e a dureza da prova, que já no primeiro dia percorre as savanas durante uma noite inteira, sem intervalos para dormir. "E no dia seguinte a gente compete o dia inteiro, em trilhas que não conhecemos e que temos de confiar no trabalho do navegador", disse Manoel Mandi.
Esta foi a segunda participação de pilotos amapaenses na competição. Em 2007, um grupo de associados do Jeep Clube de Macapá participou do Rally das Savanas, mas sem entrar para a competição propriamente dita. E saíram de lá com troféus de participação. Este ano, através de parceria com o Exército Brasileiro receberam treinamento em navegação do GPS, no quartel do 34º Batalhão de Infantaria de Selva (34º BIS), sob a coordenação do coronel Allan Quint.

Os veículos Troller usados pelos pilotos brasileiros fizeram grande sucesso lá
Os pilotos brasileiros se confraternizam com os pilotos internacionais



















Este ano foram quase 100 carros inscritos da competição do Suriname



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua conosco!

PUBLICIDADE