Página do jornalista amapaense Cleber Barbosa, voltada a difundir notícias, pensamentos, reflexões e atualidades sobre turismo, comportamento, economia, cultura, política e empreendedorismo.


quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Gabinete divulga nota sobre doação de acervo da Fundação José Sarney

 
O gabinete do senador José Sarney (PMDB-AP) divulgou nesta quarta-feira (19) nota sobre a doação do acervo da Fundação José Sarney ao Governo do Estado do Maranhão.

Veja a íntegra da nota:

"A doação do acervo da agora extinta Fundação José Sarney ao Governo do Estado do Maranhão permitirá que continuem acessíveis aos maranhenses e aos brasileiros documentos, objetos de artes, livros, discos, fotografias e fitas, que compõem parte importante da história do Brasil atual, sem nenhuma conotação de culto a personalidade, mas de resgate e preservação da memória republicana.

O Governo do Estado com a criação de uma nova Fundação - Fundação da Memória Republicana Brasileira - fará que estes bens não saiam do Maranhão, diante do compromisso do senador José Sarney de doar ao Estado todo o acervo que, com a extinção da Fundação José Sarney, voltaria ao seu patrimônio pessoal. Esse acervo é de valor inestimável, composto por cerca de 1.100.000 documentos históricos, 4.973 peças constituídas por obras de arte, relíquias, todos os presentes recebidos no exercício da Presidência da República e outros que acumulou ao longo da vida, além da biblioteca pessoal de 25.000 volumes, que estão à disposição do povo maranhense.

A simples extinção da Fundação José Sarney obrigaria a transferência do acervo a outras instituições fora do Maranhão, que já manifestaram desejo de recebê-lo.Outra conseqüência seria o desaparecimento de um ponto importante de visitação, eventos culturais e estudos históricos, com uma frequência anual de mais 135.000 visitantes.

A providência tomada pelo Governo do Estado atende aos seus críticos, recebendo o imóvel que incorporou e outros que foram adquiridos, além da doação que fez o senador Sarney de seu acervo pessoal, fruto de mais de 60 anos de trabalho.

Os documentos ali guardados são patrimônio cultural brasileiro, conforme a Lei 8.394/91, e estão sob a proteção constitucional do Estado.

Brasília, 19 de outubro de 2011

Gabinete do Senador José Sarney"

Um comentário:

  1. A doaçã da extinta Fundação José Sarney está de parabéns pela iniciativa. Mérito merecido pelo Governo do Maranhão. Significa companheirismo aos menos favorecidos na Cultura e na arte popular. Tendo conhecimento deste blog através do amigo Caetano Pinto, resolví enviar comentário para o reconhecido jornalista Cleber Barbosa. Favor visitar também o meu. edsonsilvafotojornalista.blogspot.com

    ResponderExcluir

Contribua conosco!

PUBLICIDADE